Esta marca sorri para gente

marca

Por Thais Oliveira

Sendo os brasileiros o que são e inovando com suas fabulosas habilidades e espírito de equipe, com energia inesgotável dedicada ao prazer do trabalho, buscamos nos expressar com criatividade e ousadia. Essa é a marca do empreendedor brasileiro!

A marca mexe com a alma e a vida dos outros, é um signo, um sinal de identidade que diferencia um negócio da concorrência. Podemos consultar na literatura “Signos da Marca: Expressividade e Sensorialidade” de Clotilde Perez, a noção peirceana de signo como “alguma coisa que representa algo para alguém”. A marca é a representação de um objeto: empresa, produto, ideia, serviço… para um consumidor que faça a interpretação deste signo.

Portanto, marca é comunicação, é expressão, é linguagem não-verbal!

Ela fica gravada na mente do consumidor que é, em primeiro lugar, aquele que soube interpretar o signo, que foi rapidamente determinado, o “target”, o público-alvo daquela marca.

Ela cria um link simbólico entre aquilo que representa e a complexidade dos desejos humanos.

A simbologia da marca tem como composição um potencial comunicativo que é independente de uma interpretação, ela é o que é, é moeda de alto valor, que não se deve desperdiçar! Antes de chegar a informação de sua interpretação na mente do consumidor, sua essência já está lá, impregnada e desejada.

A semiose da marca é um dos alvos da publicidade!

Por toda a história, as imagens foram utilizadas como um mecanismo de expressão do ser humano, muito antes da escrita. Como bem fala a semioticista Lucia Santaella:

“enquanto a propagação da palavra humana começou a adquirir dimensões galácticas já no século XV de Gutenberg, a galáxia imagética teria de esperar até o século XX para interpretante – signo- objeto se desenvolver”.

Em todos os lugares recebemos mensagens visuais que se infiltram nas redes sociais, jornais, revistas, outdoors, televisão, cartazes, cinema… A realidade é imperativa, não há dúvidas quanto a estarmos imersos na galáxia imagética.

Qual é o valor de uma marca?

Sabemos do valor da marca quando vemos o resultado obtido nos mercados-alvo. Ao se falar do marketing dos produtos e serviços de uma empresa, o valor de uma marca pode ser percebido na sua capacidade de aumentar o faturamento, preços, margens, cash-flows.

O que mais se fala nas redes sociais é do valor da marca, seja uma ONG, Associação Filantrópica, um Projeto, um Clube… Marca conhecida como caríssima, made in País tal… E principalmente marca pessoal, nosso cartão de visitas, e aquelas marcas que estão nos cartazes das agências de turismo, marca de uma cidade, de uma nação, continente…

Amanhã cada planeta, cada astro ou galáxia terá a sua marca!

Compreender a linguagem vinculada à interação social capaz de gerar a imagem da marca é uma trajetória capaz de revelar a sua potencialidade de comunicação, servindo para que se faça correções e alterações quanto ao nível da identidade ou mix de marketing.

Compartilhe esta página!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: